Capitale

Search
Close this search box.
Edit Template
Search
Close this search box.

Entenda qual é a diferença entre ESG e Sustentabilidade 

art01-capa

Atualmente, é cada vez mais comum ouvirmos as expressões ESG e Sustentabilidade, e muitas vezes, erroneamente, são tratadas como sinônimos. Sem dúvida, ambos os termos abordam os aspectos sociais, econômicos e ambientais voltados para a sustentabilidade. 

Sendo imprescindível na atualidade empresarial compreender as diferenças e complementariedades destes conceitos e como interligá-los às estratégias de negócio. Tendo em vista a perpetuidade e transformações necessárias para atender as demandas atuais e futuras da sociedade e stakeholders. 

Entenda com esse artigo como os termos ESG e Sustentabilidade estão relacionados e quais são os objetivos específicos de cada um. 

ESG: o conceito e pilares 

A sigla ESG vem do inglês Environmental, Social e Governance, ou seja, Ambiental, Social e Governança. A expressão surgiu no início do século XXI e foi criada para atrair a atenção dos investidores de todo o mundo para a ideia de investimento sustentável.  

Trata-se de métricas para mensuração da performance das companhias e seu comportamento em relação aos três pilares (social, ambiental e governança), oferecendo aos investidores mais transparência sobre as empresas em que estão investindo.  

E (environmental, em inglês, ou ambiental, em português) 

A letra E se refere as práticas de uma empresa em relação ao uso de recursos naturais e conservação do meio ambiente. A análise é sobre o real impacto que a empresa está causando e quais ações desenvolve para mitigar a escassez de recursos para as gerações futuras.  

Há diversas ações que podem ser feitas pela empresa, desde a destinação correta de seus resíduos à utilização de energia de fontes renováveis.   

S (Social em inglês e português) 

Este critério está direcionado para a resolução de diversos problemas sociais, tais como: relacionamento de funcionários, diversidade, saúde, gestão de conflitos, comunidades locais, segurança, dentre outros.  

Em se tratando de pessoas, as ações são variadas com foco na diversidade, segurança dos dados, direitos humanos e satisfação dos clientes.  

G (Governance, em inglês, ou governança, em português) 

Refere-se a administração da empresa de modo a torná-la organizada estruturalmente. As ações servem como um canal de confiança e transparência para funcionários e stakeholders, garantindo políticas de amplo acesso e visando o interesse geral.  

E o que significa sustentabilidade empresarial? 

A sustentabilidade empresarial é um conceito muito mais abrangente do que apenas a questão ecológica. Primeiro, é preciso destacar que está diretamente ligado à ideia de conservação ou manutenção de um cenário de longo prazo. 

A partir do entendimento de que os recursos naturais são finitos, surgiu a preocupação com uma forma sustentável de recuperar o ecossistema. Tanto dos abusos da exploração dos recursos naturais quanto das agressões provenientes dos eventos naturais. 

Também o aspecto econômico passou a ser englobado nessa ideia, por ter sido constatado a inviabilidade de manutenção do padrão de produção e consumo do sistema capitalista. O que resultou na junção da noção de desenvolvimento com a ideia de sustentabilidade. 

A partir desse conceito de desenvolvimento sustentável, a ideia de responsabilidade entre as gerações foi definitivamente oficializada, dando espaço para a crescente preocupação com a redução das desigualdades sociais e o direito ao acesso aos bens necessários.  

Então, qual a diferença entre ESG e Sustentabilidade?  

Quando falamos de ESG e Sustentabilidade é preciso entender que são duas ideias fundamentais para a sobrevivência do planeta. Apesar de serem tratadas às vezes como sinônimos, apresentam algumas diferenças e, por isso, não são a mesma coisa. 

O termo sustentabilidade é muito mais abrangente do que apenas os aspectos ambientais. Sem dúvida, implica numa preocupação crescente com a equidade de todas as formas de vida e condições no mundo inteiro.  

Já a sigla ESG implica em uma ação consciente das empresas para adotar as práticas corporativas, visando uma empresa sustentável. Ou seja, a adoção dos elementos ESG deve ser mensurada de modo a atender os pilares social, ambiental e de governança. 

A partir da divulgação das métricas de performance ESG de uma empresa, é possível identificar com clareza os impactos e riscos da cadeia produtiva que foram mitigados. E permitem aos acionistas e investidores um processo de tomada de decisão assertivo. 

Portanto, é fácil perceber que enquanto ESG é bastante específico e mensurável, a sustentabilidade é mais ampla e envolve uma noção de bem-estar no presente e no futuro.  

Quer saber como implementar práticas ESG na sua empresa? Entre em contato com nossos especialistas. 

Secured By miniOrange